Arquivo da categoria: Esporte

De bicicleta até a Rua Vitória Régia

Rua Vitória Régia By Bike.png

Estava circundando a lagoa quando resolvi tentar chegar no alto onde havia um prédios sobre pilotis na encosta do morro. Não consegui acertar o lugar e fui acabar na Chácara Sacopã (área privada) e depois, na Rua Vitória Régia. A subida era de ladeiras de paralelepípedos. Muito incômodo. Não recomendo a subida de bicicleta. E nem a vista, apesar do dia ensolarado, era muito acessível.

dahon-speed-d7-baltic-600x325

De bicicleta até a Praia da Joatinga II

leblon-ponte-da-joatinga

da-ponte-da-joatinga-ate-a-praia-da-joatinga-via-estrada-do-joa

praia-da-joatinga-leblon

Saí de bicicleta pela manhã e despretensiosamente fui até o Mirante do Leblon. O dia estava estonteantemente bonito. O mar turquesa era de se ajoelhar.

Resolvi estender o passeio até um mirante sobre a prainha depois do Sheraton. E assim, passo a passo, a beleza foi se impondo e me empurrando para mais longe. Parecia dizer: “Tem mais adiante, vai perder?!”. Capturado, fui indo… Na ciclovia até São Conrado foi uma prova com barreiras. Mas valeu a pena. “Bom, agora volto”, pensei. “Vou só até o mirante na própria ciclovia antes do túnel para a Barra”. “Puxa, não dá para parar!”. Então varei o túnel e fui ver a obra das cercas e portões que estão fazendo debaixo da Ponte da Joatinga. Acho que é para evitar que os sem teto durmam embaixo. Resolvi ir até à Praia da Joatinga. Mas não queria saber da “escadaria “Flora May”. Informei-me que o sopé da Estrada do Joá ficava perto. E lá fui eu. A Praia da Joatinga mostrava a sua nesga de areia. Havia muitos surfistas na água e bombeiro em treinamento na prainha.

Voltei pela Estrada da Joatinga até São Conrado.

A Dahon D7 Street é fantástica e não me deixou na mão.

dahon-speed-d7-baltic-600x325

De bicicleta até o AquaRio

aquario-by-bike

Fui do Leblon até o AquaRio em companhia de um ex-colega de trabalho.

Fui na Dahon D7.

Visitamos o submarino Riachuelo (um “paraíso” dos claustrofóbicos) e o contratorpedeiro Bauru.

ecm_s22_riachuelo

b023-f19

 

dahon-speed-d7-baltic-600x325

Diários De Bicicleta – David Byrne

cover150-370x553

Não ando de bicicleta para todo lugar por ser ecológico ou digno de nota. Faço principalmente pelo senso de liberdade e êxtase.

David Byrne

O Dawn I na ISW 2015

dawn_1_1

Inscrevi o Dawn I na ISW 2o15. A travessia para levá-lo de Bracuí à Ilhabela iniciou no dia 19/6, 10:00. Chegamos 15:00 do dia 20. Levamos cerca de 29 horas. No dia 1/7 levaram o Xavante I. Saiu 16:00 e chegou às 3:00 do dia 4/7. Cerca de 59 horas. No sábado, dia 4/7 corremos a regata de Toque Toque. Eram três Minitransats: o Dawn I, o Xavante I e o Jacaré. Os ventos estavam muito fortes e houve muitas desistências, inclusive a nossa e do Xavante I. Soube que o Jacaré completou a regata.

dawn_1_2

Nossa genoa soltou e outros problemas levaram à decisão de abortar a regata.

Não velejei mais na regata além do primeiro dia. Peguei um resfriado e não quis arriscar a uma piora. Fui ver a premiação no sábado, 11/7. O Jacaré levou o troféu. Não houve troféu para o segundo lugar porque só haviam três minitransats na disputa. O Jacaré sofreu uma pequena colisão na proa em uma das regatas.

dawn-i-balao-isw-2015

dawni-i-genoa-isw-2015

mini-jacare-isw-2015

Jacaré do Pedro Fukui (vencedor da regata dos minitransats)

Mais fotos do Dawn I:

IMG_2607 IMG_2608 IMG_2609 IMG_2610 IMG_2611 IMG_2613 IMG_2614 IMG_2615 IMG_2616 IMG_2617

Vídeos da travessia Bracuí-Ilhabela

Links relacionados:

Dawn I

Hoje fomos receber o Dawn I em Bracuí. Não pôde ser Dawn somente. Já há um Dawn em Maceió.

Saímos bem cedo, eu e Mateus. 5:00 já estávamos na estrada.

Faltando cerca de 2 km para a entrada da marina Mateus viu um barco encima de um caminhão parado em um posto de gasolina. Falou: “Acho que é o seu barco”. Olhei imediatamente, não podendo acreditar. Quando vi a janela escura da rota de fuga acreditei que era mesmo o barco. Parei no acostamento e cruzei a via para entrar no posto. Paramos perto do caminhão e confirmamos que era mesmo o Dawn I, que já tinha o nome pintado no costado. E o caminhão era mesmo da transportadora contratada. Começamos a filmá-lo e fotografá-lo. O motorista parecia estar dormindo na cabine com as cortinas baixadas. Pensei em ligar ou enviar uma mensagem para a transportadora e neste momento vi que tinham me enviado o telefone do motorista. Quando pensei em ligar para ele, pois já era quase 8:00, a hora combinada para ele estar na marina, percebi um movimento na cabine. Era o motorista acordando.

IMG_5956

Abordei o motorista e expliquei que era eu que iria me encontrar com ele na marina. Mandei uma mensagem para a transportadora dizendo que eu o tinha encontrado no posto. Combinei com o motorista que ele me seguiria até a marina.

IMG_5957

Chegando na marina combinei a entrada do caminhão com o barco e a colocação do barco na água para ser rebocado até a vaga.

IMG_5964

Com o Dawn atracado pudemos voltar ao Rio.

Minitransat com a proa arredondada