Rio – Aracaju: trecho Cumuruxatiba – Itacaré

Repito imagem da planilha com o plano de viagem abaixo.

escalas da viagem Rio - Aracaju em janeiro de 2017.png

Acordamos cedo. 6:30.

Botamos as bagagens no carro enquanto não dava a hora do café que começa 7:00.

Conseguimos partir às 8:30.

Mais uma falseta do Waze. Enviou-nos para uma estradinha estreita que não passava no tanque onde o pessoal toma banho e por onde chegamos. Voltamos e passamos pelo tanque.

cumuruxatiba-itacare-jan-2017

Andando estrada de terra as “costelas” pareciam que iam desmontar o carro. E todo mundo passava com o pé embaixo. Imitamos e descobrimos que assim trepidava menos.

Chegamos em Itacaré antes das 17:00. Ao chegar na pousada (Pousada Maresias) Iane queria ir logo no banheiro e pediu à dona da pousada que nem dava bola falando no telefone. De repente disse “não pode”. E continuou no telefone. Só quando cheguei e disse que era um futuro hóspede e fui levando Iane para os fundos para procurar os banheiros é que a coisa se resolveu. Pois a dona não interrompia a telefonema nem para tirar o pai da forca.


O carro levei para a garagem da pousada que fica no outro quarteirão na rua de trás.

O quarto é muito bom. O chuveiro estava em Inverno e Iane teve que tomar um banho muito quente. Quando cheguei botei em Verão. Não sei qual maluco deixou em Inverno. Acho que durante o dia o banho frio deve ser muito bom. Mas queria tomar morno antes de dormir para relaxar um pouco.

Almoçamos dourado com banana, farofa, arroz e feijão no Flor de Cacau. Foi o melhor “jantarado” da viagem até agora.

Tomamos sorvete muito bom na sorveteria Capim Santo (também nome de um sabor deles). Era no lugar de uma antiga sorveteria que mudou de dono. O sorvete é muito bom e sem aditivos. Derrete um pouco rápido. Por coincidência fica na entrada da pousada.

Iane dormiu enquanto eu procurava água mineral para comprar. As marcas que achei inicialmente tinham muito sódio: 5, 7 e 13. Achei Minalba com 0,9. Era com gás. Comprei assim mesmo. Garrafas de 1,5 litros. Depois achei sem gás da mesma marca. 300 ml.

Antes de voltar para a pousada fiquei vendo a roda de capoeira que acontece somente às sextas. Filhos de Zumbi era o nome da associação. Deu saudades do meu tempo. E de tocar berimbau. Mas me segurei. Faz muito tempo.

A voltar conversei um pouco com o Niltinho, dono da pousada. Ele indicou a Praia da Ribeira como bem calma. Boa pra crianças. Vi no mapa que fica à 1 km da pousada.

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s