Dieta High Fat Low Carb prejudica o figado?

O Dr. Souto, urologista e também um pesquisador bem treinado e de honestidade intelectual já provada em seus posts no blog Dieta Low Carb e Paleolítica, analisa extensivamente e aparentemente exaustivamente a hipótese de danos ao fígado por uma dieta fora dos parâmetros da pirâmide alimentar. Poderíamos imaginar que há “uma guerra egípcia, faraônica e monumental, que denomino ‘guerra das pirâmides'”. Uma disputa entre a adoção das pirâmides HFLC versus HCLF. Cito abaixo alguns trechos do post do Dr. Souto e recomendo uma leitura na íntegra:

(…)fui ao pubmed.gov. Sendo este um banco de dados gigantesco, em geral é possível encontrar artigos defendendo diferentes posições em relação a um assunto. Eu cruzei todas as palavras-chave possíveis, e não havia nada, NADA que implicasse uma dieta de baixo carboidrato como fator de risco para doenças do fígado. Embora uma dieta low carb NÃO SEJA uma dieta de alta proteína, pesquisei também a relação entre dieta hiperproteica e fígado. Mais uma vez, NADA. Esse assunto conseguiu o impossível – a UNANIMIDADE na literatura científica – simplesmente não há NADA publicado que ligue negativamente dietas de baixo carboidrato ou de alta proteína com doença hepática – é uma lenda urbana.

Uma coisa que confunde quem é novo na área é o seguinte: embora todos os estudos em roedores mostrem que reduzir os carboidratos e/ou aumentar as proteínas seja benéfico para o fígado (e para os rins, e para a síndrome metabólica), há vários estudos em roedores nos quais uma dieta de alta gordura INDUZ esteatose, resistência à insulina e até mesmo obesidade. Isso contrasta radicalmente com os efeitos das mesmas dietas LCHF em humanos. Se, por um lado, é verdade que roedores têm uma dieta natural muito diferente da nossa (grãos, por exemplo, fazem parte da dieta normal destes animais, que são virtualmente herbívoros na natureza, não tendo evoluído comendo carne gorda portanto), por outro lado é importante saber que as dietas que são fornecidas aos animais de laboratório são dietas sintéticas comercialmente disponíveis. (…) Aumentar a quantidade de proteínas na dieta protege o fígado até certo ponto, mas o que realmente faz diferença é a presença ou ausência de COLINA na dieta. A colina está normalmente presente nas dietas LCHF de humanos, pois faz parte da gordura animal oriunda de comida de verdade, mas está AUSENTE das dietas LCHF sintéticas oferecidas aos roedores. Esta dieta deficiente em colina provoca disfunção das mitocôndrias, que perdem a capacidade de oxidar adequadamente as gorduras, levando à acumulação das mesmas nas células hepáticas (e isso é agravado pela deficiência de proteínas na dieta). A reintrodução da colina na dieta dos roedores eliminou o efeito deletério da dieta LCHF sobre o fígado dos roedores. (…) Ou seja, não era a gordura na dieta dos animais que lhes prejudicava, mas a ausência de colina (que, na comida de verdade, estaria presente). E quais as maiores fonte de colina na dieta humana? Ovos (gema!) e carnes gordas.

Neste outro estudo, obesos mórbidos que estavam com cirurgia bariátrica já agendada foram submetidos a uma dieta LCHF (baixo carboidrato, alta gordura) por 4 semanas antes da cirurgia. Por quê? Porque estas pessoas costumam ter tanta gordura no fígado que a cirurgia se torna difícil. Pois bem, houve redução significativa da doença hepática em 4 semanas de LCHF . Incrível que os autores não tenham se dado conta de que, com mais alguns meses de dieta, a cirurgia provavelmente seria desnecessária para alguns destes pacientes.

Não se trata de citação seletiva da literatura. Eu procurei bastante. Simplesmente não existe relato de malefícios de low carb, LCHF ou de aumento do proteína sobre a saúde hepática. Não apenas isso, mas todas e cada uma dessas intervenções têm, ao contrário, efeitos benéficos sobre o fígado, tanto em modelos animais quanto em seres humanos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s